Hipócrates

Segue um texto falando sobre a vida e a obra de Hipócrates, escrito por Gabriela Borges Resende e Rachel Soares Macedo, alunas do 6º ano C.

Vida
 
  Hipócrates é considerado por muitos uma das figuras mais importantes da história da saúde, frequentemente considerado “pai da medicina”. Hipócrates era um asclepíade, isto é, membro de uma família que durante várias gerações praticara os cuidados em saúde.
  Nascido numa ilha grega,os dados sobre sua vida são incertos ou poucos confiáveis. Parece certo, contudo, que viajou pela Grécia e que esteve no Oriente próximo.
  Para o estudioso grego,muitas epidemias relacionavam-se com fatores climáticos, raciais, diéticos e do meio onde as pessoas viviam. Foi o líder incontestável da chamada “Escola de Cós”.
  Hipócrates fundamentou a sua prática (e a sua forma de compreender o organismo humano, incluindo a personalidade) na teoria dos quatro humores corporais (sangue, fleugma ou pituíta, bílis amarela e bílis negra) que, igual as quantidades relativas presentes no corpo, levariam a estados de equilíbrio (eucrasia) ou de doença e dor (discrasia).
 
Obras
 
  O conjunto das obras atrbuídas a Hipócrates constituiu o Corpus Hipppocraticun (em português coleção hipocrática).Setenta escritos são reconhecidos como constituintes do corpus,entre os quais os seguintes são considerados os mais importantes:
 
– Aforismos
– Da Medicina Antiga
– Da Doença Sagrada
– Epidemias
– Da cirurgia
– Das Fraturas
– Das Articulações
– Dos Instrumentos de Redução
– Dos Ferimentos na Cabeça
– Prognósticos
– Dos Ares, Águas e Lugares
– Do Regime nas Doenças Agudas
– Das Úlceras
– Das Fístulas
– Das Hemorróidas
– Juramento
– Lei
 
Juramento
 
  Eu juro,por Apolo, médico, por Esculápio, Hígia e Panacéia, e tomo por testemunha todos os deuses e todas as deusas, cumprir, segundo meu poder e minha razão, a promessa que se segue: estimar, tanto quanto a meus pais, aquele que me ensinou esta arte; fazer a vida comum e, se necessário for, com ele partilhar meus bens; ter seus filhos por meus próprios irmãos; ensinar-lhes esta arte, se eles tiverem necessidade de aprende-lá, sem remuneração e nem compromisso escrito; fazer participar dos preconceitos, das lições e de todo o resto do ensino, meus filhos, os de meu mestre e os discípulos inscritos segundo os regulamentos da profissão, porém, só a estes.

Hipócrates

Hipócrates

About these ads

Deixar uma resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

WordPress.com Logo

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Log Out / Modificar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Log Out / Modificar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Log Out / Modificar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Log Out / Modificar )

Connecting to %s

Seguir

Get every new post delivered to your Inbox.

%d bloggers like this: